quinta-feira, 11 de junho de 2009

Bord Line


Conversas sem pretensões nos fazem falar de assuntos esquecidos ou de situações, relembrando como tu realmente és.

Emoções intensas, stress aos limites, "bord line”.

São características que assumo, com total liberdade e tranquilidade.

Negócios, vida pessoal, não importa, está incorporado.

Vou a limites, abro todas as opções, a palavra "não" é esquecida.

Não é o querer pelo querer e nem pelo poder.

É doar-se aos limites, saborear cada ângulo, cada faceta.

Aparento às vezes algo que não é real

A fragilidade que disfarça

Ser doce em situações extremas

Não quer dizer que alcançamos todos os quereres

Não somos assim

Limites e extremos fazem a diferença

Não perco noção de realidade em nenhum momento, por mais que pareça.

Tenho sempre guardado comigo ‘meus sonhos’

Do meu tamanho, não mais do que possa exigir de mim.


Doces intenções não cometam erros de percepção

Estou aqui, ainda.

Não quebrei, e sim dobrei a possibilidade.

Aceitemos a intensidade como parte natural

Respeitemos as necessidades

Sejamos doces sempre!

Sem receios se o observam


E quando chegar a hora, se necessário for.

Retorne e recomece, tudo outra vez

Não há nada definitivo nessa vida a não ser viver...