quinta-feira, 25 de junho de 2009

Medo de não existir

Você não me conhece?
Você não me conhece até agora?

É tão difícil conhecer
Dor e prazer na descoberta
Nunca é tardia
O que sou , realidade ou desejos
Não quero, não desejo e não vou sonhar o que não é real
Preciso me conhecer, ser o que sou

Tantas vezes fui mais do que devia ser ou do que poderia ser
Chega !
Me vislumbre , como partes que se unem
Esse sou eu
Defino-me sonhos inacabados
Confesso ainda não consigo decidir por medo de não existir