sexta-feira, 12 de junho de 2009

Pra que pensar tanto

Logo de manhã, tive alguns problemas na obra
Pensei, ahh de novo , coisas para me incomodar
E no decorrer do caminho, fui notando que meu humor
Alterava para melhor, como se instintivamente estava preparado a resolver o que fosse
Lá chegando, resolvi com a presteza necessária, atendendo todos interesses

Isso me faz pensar, tenho capacidade e discernimento para resolver questões pessoais com a tranquilidade que resolvo meus negócios
Sabedores somos quão diferente são essas relações, complexas por si só, mas nem por isso insolúveis.

Pretendo agir da mesma forma, com a vontade de resolve-las
Acredito em soluções, acordos, mediações
Assim agi a vida toda, porque querer mudar logo agora
Por pura teimosia não me dar chance, pra que?
Se houvesse ainda algo a ganhar
Que nada, só se perde, em todas situações ser imutável
Logo penso, então existo ou penso, existo e ajo

Chega de tanto pensar
Isso eu deixo para "Sócrates " e seus amigos.