sábado, 6 de junho de 2009

Todo mundo tem seu dia

Hoje é meu dia
Ainda bem que é sábado, lindo, sol maravilhoso
Passeio pela praia, gostoso
Sem muitos pensamentos
Apenas vendo o mundo
Pequeno mundo eu sei

O suficiente para perceber a vida
Sem essa de cobranças, culpas, sei lá, a vontade mesmo
Sabe decidi jogar ao alto o resto dos receios
Porque até hoje de nada me valeram
Meu ego ainda abandonado lá na estrada rsrs rsr
Cheguei a onde poderia chegar

Me lembra um filme, em que o diabo propunha a um cantor de blues,
A escolha entre duas estradas próximo a "St. Louis (Missouri)" e do Rio Mississippi,
E este fez um acordo , e lá seguiu para o sucesso

Poderia fazer escolha, e seguir para o mais fácil
Sem culpas ou ego para incomodar (psicólogos e psiquiatras que me desculpem)
Mas não, em vez disso , ligo a musiquinha que já imaginas
Relembro o texto de dois emails, interessantes, um já comentei aqui, o outro de tão lacónico , nem tem como comentar, a brevidade por si só diz tudo.
Rs rs rs rs

Não fiz escolhas novamente, alias é negar o óbvio , não optar é uma escolha
Agora que tal as escolhas optarem
Está tudo aí, sem mágoas ou ressentimentos
Seguir eu vou, eu sei
Sem esperas, com a tranquilidade de não estar resignado

E continuando, vou almoçar, e a vida continuar
E o destino que se encarregue do que possa vir