sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Esperanças escorridas




Sempre desejo escrever suavemente
E por mais que tento, palavras disformes brotam.
O romantismo que outrora havia, tornou-se seco e vazio.
A capacidade de colorir e sorrir perdeu-se entre desejos contidos
O convívio das rotinas e pensamentos vazios me deixa sem o hoje
E neste contexto sobrevivo

Esperanças escorridas...