terça-feira, 19 de maio de 2015

Satisfação





Quando minhas palavras não encontram aconchego no meu viver
Fico estéril
Hoje sonho em sonhar
A praticidade dos atos nos levam longe do ideal
Perde-se a referencia do que importa ou da essência do acaso
Sigo o rio!
Deixo que o seguir seja a essência e o vazio toma o espaço de viagens quixotescas
Fazendo que me sinta pronto a morrer, sensação de missão cumprida, nem arrependimento do mal feito posso ter.
Pobre homem que se satisfaz...